PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Urucum do Brasil realiza reunião com produtores de Juti - VICENTINA ONLINE

Vicentina, MS, terça-feira, 23 de janeiro de 2018
  • Oferecimento Anuncie Aqui37

Urucum do Brasil realiza reunião com produtores de Juti

PUBLICIDADE
  • Techno Brisa127

Publicado em: 03/05/2017 às 16h00

Assessoria

(Foto: Assessoria)

A Superintendência de Agricultura de Juti e AGRAER realizaram reunião de trabalho com a empresa Urucum do Brasil e pequenos produtores rurais de Juti, no Assentamento Santa Clara II na última quinta-feira (27).

Na oportunidade a empresa expôs as condicionalidades de produção e comercialização de urucum para os presentes apresentando métodos de cultivo, produção e compra das sementes.

Estiveram presentes o presidente da empresa Antônio das Neves, o gerente de operações financeiras Plínio Perinsque, o produtor de mudas Moacir e o produtor da cidade de Ivinhema Edilsom, que explicaram detalhadamente tudo sobre a produção e incentivaram o início da atividade em Juti.

A assessora parlamentar Cristina Escarmanhani (Tina), esteve presente na reunião representando o deputado estadual Renato Câmara e comentou a experiência positiva de cultivo do urucum na cidade de Ivinhema, e se comprometeu em encaminhar a demanda jutiense juntamente com o deputado para que consiga incentivos para a compra das mudas aos interessados.

Conforme o superintendente Rogério Dias, “estamos começando este trabalho em nossa região incentivando os pequenos produtores a terem mais uma alternativa de renda, possibilitando o crescimento da região e apoiando-os com o preparo de solo e esclarecimentos sobre a produção”.

A prefeita Laka esteve presente e agradeceu a visita da empresa na cidade e disse que “já saímos daqui com aproximadamente 20 famílias interessadas em realizar o cultivo de urucum e que irão plantar cerca de 25 mil mudas em toda a nossa região, gerando renda e oportunidades a todos”.

O mercado de urucum corresponde a 90% do total do consumo de corantes naturais no Brasil e a 70% de corantes naturais no mundo. Segundo a Sociedade Nacional de Agricultura, 40% da colheita brasileira são utilizadas para a extração de bixina (o corante), 50% para a produção de colorífico e 10% para outras aplicações.






Leia também



PUBLICIDADE
  • BIT Celulares148
  • Drogaria Padre José Daniel1
  • Casa do pecuarista7
  • Vidros Sul65
  • Puppa Presentes53